Por faltas, secretária de saúde agride odontólogo e caso para na delegacia. ~ Umbuzeiro Notícias

WHATSAPP

WHATSAPP
Fatos & Fotos

ELEIÇÕES 2016

CLTR TV

Paraíba com memória

CLIQUE NA IMAGEM OU AQUI PARA LER MAIS TEXTOS

O que achou do site?

EM QUEM VOCÊ VAI VOTAR PARA O CONSELHO TUTELAR DE UMBUZEIRO

OBSERVAÇÃO

Onde se lê: 11 - MARLO leia-se: 11 - MARLON

Partidos de oposição em Umbuzeiro realizam convenção no dia 30 de julho

Os partidos de oposição em Umbuzeiro, formados pelas Comissões Provisórias Municipais do  PSB, PTC, PRB, PTN, PT do B, PPS e do Diretório M...

45e8387f6c6b416e2178552f488f805c.html]

RÁDIO UMBUNET

RÁDIO UMBUNET
Clique e ouça pelo celular

ENQUETE: ELEIÇÕES 2016

10 de fevereiro de 2015

Por faltas, secretária de saúde agride odontólogo e caso para na delegacia.


A secretária de saúde do município de São Domingos de Pombal, Sertão do Estado, Rita de Cássia Queiroga foi acusada nesta segunda-feira (09), de difamar e agredir o odontólogo, Edgar Pereira Carreiro Júnior, de 34 anos.
Natural da cidade de Patos, o jovem profissional da saúde procurou a delegacia de São Domingos de Pombal, para prestar queixa do ocorrido e realizar de corpo de delito.
O odontólogo relatou ao delegado Aroldo Assis, que a secretária chegou em seu local de trabalho, posto médico, e sem qualquer conversa passou a esmurrar a porta do consultório e a proferir palavras desrespeitosa (nojento, açougueiro, medíocre, entre outras), na presença de várias pessoas.
Edgar Pereira ainda acusou a secretária de agredi-lo fisicamente o odontólogo, provocando lesões no rosto, pescoço e ombro. 
Ele disse que as agressões foram motivadas por um desconto de R$ 2 mil reais realizado na sua folha de pagamento, onde a secretária justificou que seria referente a faltas no trabalho.
O outro lado
Procurada pela reportagem do Diário do Sertão para apresentar sua versão dos fatos, Rita de Cássia não foi localizada.
Fonte: http://www.diariodosertao.com.br/artigos/v/Policial/no-sertao---por-faltas--secretaria-de-saude-agride-odontologo-e-caso-para-na-delegacia/20150209181734

Artigos Relacionados:

0 comentários:

Postar um comentário

AS MAIS LIDAS DA SEMANA